Blog

Entenda as diferenças entre estufa e autoclave

Entender as diferenças entre estufa e autoclave é fundamental para permitir a escolha correta do equipamento. Apesar de ambos os equipamentos serem relacionados ao aquecimento de materiais, existem diferenças importantes e legislações que regulam a utilização desses equipamentos em determinados ambientes.

 

É comum as pessoas confundirem estufas e autoclaves, apesar das diferenças e peculiaridades de cada um. Se você quer de uma vez por todas entender as diferenças e saber qual o equipamento mais indicado para uma determinada utilização, boa leitura.

 

O que é, para que serve e como escolher uma autoclave?

 

Trata-se de um equipamento similar a uma panela de pressão comum. Ou seja, um corpo metálico, geralmente cilíndrico, com uma resistência interna, uma tampa com sistema para fechá-la hermeticamente, válvulas de segurança, indicadores e controladores de pressão e temperatura.

Na autoclave, temperatura, pressão, vapor de água e tempo são combinados com o objetivo de garantir a segurança e qualidade sanitária do material que será utilizado. A utilização é relativamente simples. 

 

O material que será esterilizado é colocado dentro do equipamento e entra em contato com vapor de água em alta pressão e temperatura por um tempo determinado. Essa combinação mata os microorganismos e promove a esterilização.

Como serão submetidos a elevadas temperaturas, pressão e umidade, os materiais que serão autoclavados devem ser resistentes às condições operacionais. 

 

Existem diversos tipos de autoclave e a escolha deve ser baseada em diversos fatores tais como o tipo de material que se pretende esterilizar, a destinação da utilização desse material após esterilizado, a capacidade (volume) útil do equipamento, entre outros.

O que é, para que serve e como escolher uma estufa?

 

A estufa de esterilização é um equipamento que utiliza temperatura e tempo para esterilizar os materiais. Trata-se de um processo a seco, ou seja, não utiliza vapor de água nem pressão, sendo assim, é indicado para materiais que não resistem a umidade.  

 

A esterilização por estufa, assim como por autoclave deve seguir os parâmetros técnicos indicados para cada tipo de esterilização. 

 

A escolha da estufa de esterilização, assim como para autoclave deve ser baseada em parâmetros como a destinação do uso do material esterilizado entre outros.

 

Independente da escolha do equipamento,  é fundamental que utilize-se um indicador biológico para a avaliação e monitoramento contínuo em todos os ciclos de utilização dos mesmos.   

 

Antes de adquirir um equipamento consulte as legislações disponíveis. Fatores como tipo de material e potencial de contaminação são alguns dos pontos que devem ser observados. 

 

Nossos consultores técnicos auxiliam todo o processo de compra dos equipamentos. Entre em contato e tire suas dúvidas.