Blog

Como São Carlos utiliza o fato de ser considerada a capital da tecnologia a seu favor?

Você sabe de que forma os avanços químicos são trabalhados na capital da tecnologia?

Considerado um dos polos tecnológicos mais inovadores do interior paulista, o município de São Carlos serve de sede para duas das universidades públicas mais renomadas do país – a UFSCar e a USP. Além disso, a própria localização central da cidade colabora para que ela se apresente como uma válvula de escape extremamente eficiente aos avanços químicos, técnicos e tecnológicos.

Prova viva dessa teoria, o IQSC (Instituto de Física e Química de São Carlos da Universidade de São Paulo, a USP) não é considerado o epicentro da pesquisa química em São Carlos à toa. Isso porque o espaço se mantém em uma posição de vanguarda no ensino e na pesquisa dos estudos químicos, oferecendo um curso de graduação 5 estrelas e um programa de pós-graduação com nota máxima avaliada pela CAPES.

Para se ter uma ideia, atualmente o IQSC conta com mais de 40 grupos ativos, além de mais de 40 mil artigos publicados.

Por sua vez, a UFSCar também possui um grupo de estudos focado em pesquisas em química verde, sustentabilidade e educação. Popularmente chamado de CPQV, o aglomerado de pesquisadores tem como principal objetivo investigar a geração de empregos e a avaliação de produtos e processos verdes sócios-sustentáveis.

Ou seja, São Carlos representa parte protagonista do roteiro obrigatório de praticamente todo e qualquer avanço químico, uma vez que, dentre outros predicados, nunca é demais lembrar do fato de que ambas as universidades, tanto a USP quanto a UFSCar, oferecem o curso de Química (Bacharelado e Licenciatura) aos alunos interessados em se especializar nesta poderosa área do conhecimento.

A importância da SC Química na história de São Carlos

Com mais de 25 anos de experiência, a São Carlos Química se orgulha por ter o município de São Carlos como sede por acreditar que, em termos de pesquisa, desenvolvimento, prestações de serviços laboratoriais e inovações tecnológicas, são poucas as cidades capazes de superá-lo.

Para comprovar sua satisfação em estar instalada em um polo tecnológico que visa o crescimento a todo instante, a São Carlos Química faz questão de não somente se preocupar em estabelecer parcerias de ponta com as principais universidades do estado – a exemplo da USP, da UFSCar e da Unicamp -, mas também chamar para si a distribuição oficial dos produtos pertencentes às seguintes patentes:

  • Infors HT;
  • Delpho Instruments;
  • Acqua Nativa;
  • Tekin;
  • Bel Engineering.

Pensou na capital da tecnologia, pensou, é claro, em São Carlos Química!